Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A bem da Nação

MITOLOGIA GREGA – 1

HSF-Teseu e Minotauro.jpg

 

Minos, rei de Creta, era o mais poderoso soberano do Mediterrâneo oriental e, entre outros, tinha Egeu, rei de Atenas, como súbdito.

 

Como prova das graças dos deuses perante o seu poder, Minos pediu a Poseidon que lhe provasse a sua admiração ao que o deus correspondeu oferecendo-lhe um belo toiro que o rei deveria sacrificar em honra do Olimpo. Mas o rei decidiu poupar ao sacrifício o belo animal por quem desde logo se enchera de estima. Zangado, Poseidon decidiu vingar-se e levou a mulher de Minos, a rainha Pasífae, a cair em tentação com o toiro, do que nasceu um ser com corpo de homem e cabeça de toiro, o Minotauro.

 

Perante os problemas que Minotauro provocava um pouco por toda a ilha de Creta, Minos decidiu fazer construir um labirinto onde Minotauro deveria ficar sem ser capaz de encontrar a saída. De alimento exigente, Minotauro só se saciava com carne humana e Minos decretou que todos os reis seus súbditos deveriam periodicamente enviar seis rapazes e seis raparigas adolescentes para serem introduzidos no labirinto e servirem de alimento ao Minotauro.

 

Perante tal flagelo, Egeu, rei de Atenas, enviou o seu filho Teseu a Creta numa barca de velas negras com a missão de matar o Minotauro. No regresso, se a missão fosse coroada de êxito, deveriam ser içadas as velas brancas; caso fosse o Minotauro a matar Teseu, as velas deveriam ser as negras.

 

Bravamente, Teseu entrou no labirinto e, depois de muitas buscas, encontrou e matou Minotauro.

 

Na euforia da vitória, Teseu regressou a Atenas mas esqueceu-se de içar as velas brancas e quando ao longe Egeu avistou as velas negras, entrou em desespero e lançou-se ao mar assim lhe dando o seu nome.

 

* * *

 

Foi Yanis Varoufakis no seu livro «O MINOTAURO GLOBAL» que me fez recordar esta história e que me fez também recordar do espanto que tive na juventude ao constatar que um híbrido de ruminante, herbívoro, pudesse ser antropófago.

 

Não foi só esta fantasia que encontrei no dito livro.

 

Voltarei brevemente.

 

Setembro de 2015

 

C-HSF-Mékong.jpg Henrique Salles da Fonseca

 

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2008
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2007
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2006
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D
  209. 2005
  210. J
  211. F
  212. M
  213. A
  214. M
  215. J
  216. J
  217. A
  218. S
  219. O
  220. N
  221. D
  222. 2004
  223. J
  224. F
  225. M
  226. A
  227. M
  228. J
  229. J
  230. A
  231. S
  232. O
  233. N
  234. D