Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A bem da Nação

LIVROS DE DOMINGOS SOARES REBELO

 

 

Lançamento em Alcobaça

 

Foram apresentados e lançados no dia 5 de Abril de 2014 no auditório da Biblioteca Municipal de Alcobaça os últimos 4 livros de autoria do Dr. Domingos Jose Soares Rebelo, que faleceu aos 96 anos, no passado mês de Novembro.

 

Foram eles: “Fátima e sua Universalidade”, “Antologia Xaveriana de Origem Goesa (Séculos XVI/XXI – Um Estudo) / Hinos, Novenas e Orações a São Francisco Xavier”, “Dom José Barbosa (Um clássico setecentista alcobacense)”e “Sailors Beware Women!”.

 

Na mesma ocasião foi ainda oferecido a todos os presentes o livro “Dados Bio bibliográficos de Domingos Jose Soares Rebelo” (actualizados - 3.ª edição) e uma pagela / santinho com oração a São Francisco Xavier de quem era grande devoto.

 

Com a sua morte inesperada o historiador não teve tempo para apresentar publicamente as 4 obras literárias que estavam praticamente prontas para publicação, como era seu desejo. A filha do autor, Rosalina Filomena da Cunha e Soares Rebelo, a quem coube a finalização dos livros, teceu algumas palavras de homenagem sobre o pai com uma resenha histórica em sua memoria em especial dos seus últimos momentos de vida, mensagens dos amigos e uma breve explicação daqueles que viriam a ser os seus últimos 4 trabalhos realizados por si.

                           

 

IN MEMORIAM DE UM AMIGO

 

DOMINGOS JOSE SOARES REBELO (1916 - 2013)

 

O ilustre goês Domingos José Filipe Inácio dos Remédios Roque da Conceição Soares Rebelo, filho do advogado, poeta, dramaturgo, novelista, jornalista e escritor Joaquim Filipe Nery Soares Rebelo (1873 – 1922) e de Ana Joaquina Maria Emerenciana Rebelo (c.1847 – c.1885) com quase 97 anos (fazia no dia 1 de Dezembro de 2013) faleceu inesperadamente no passado dia 18 de Novembro no Hospital de Alcobaça. Foi casado com a feminista, professora e escritora Rosalina Filomena da Cunha e Soares Rebelo  (1908 – 2007), por quem nutria uma grande admiração e paixão (dedicando-lhe varias obras literárias e até iniciativas) fruto de uma história de amor com 66 anos da qual resultou dois filhos: o juiz aposentado Joaquim Filipe Neri António Soares Rebelo e a medica pediatra aposentada Rosalina Filomena da Cunha e Soares Rebelo, querida filha que se manteve sempre a seu lado, dedicando-lhe uma vida e manifestando um forte gesto de generosidade e grande prova de amor. Uma lição de vida!

 

As cerimónias fúnebres tiveram lugar no dia 20 de Novembro, pelas 11h30, com missa de corpo presente na Casa Mortuária de Alcobaça, seguindo-se a sepultar para o cemitério de Alcobaça onde jaz junto da sua amada esposa. Domingos Soares Rebelo, oriundo de uma família tradicional goesa, nasceu em Margão – Goa (Índia), no ano de 1916, licenciou-se em Inglês pela Universidade de Bombaim. Economista, escritor, poeta e historiador, Domingos Soares Rebelo fez a sua carreira profissional na Embaixada dos Estados Unidos da América, em Maputo – Moçambique, onde foi funcionário consular e perito comercial e económico, mas residia em Alcobaça há 33 anos, fruto das circunstâncias da vida, que o adoptou com todo o carinho.

 

Do pai herdou o gosto pelas letras e pela pesquisa. Era na escrita que se revia e onde encontrou a felicidade, sempre com espírito crítico e construtivo. Foi grande estudioso de assuntos económicos, apaixonado por temas históricos, pesquisador da língua portuguesa e até investigador da historia de Alcobaça deixando um forte contributo com estudos sóbrios mas com muito interesse para o bem da nossa Nação. Diariamente, dedicava-lhe 8 horas de trabalho. Deve-se a ele a descoberta de facetas desconhecidas não só de ilustres de Alcobaça, onde ajudou a reescrever a história local, mas também de outros cantos do mundo, da Índia a Moçambique. Natural de Goa, deixa uma vasta obra de investigação publicada, tendo fundado, em 2005, o Fundo Documental Soares Rebelo, na Biblioteca Municipal de Alcobaça, guardião do seu espólio.  

 

 

Publicou imensos trabalhos (centenas de textos e milhares de páginas) de variada temática na imprensa, com quem manteve uma colaboração periódica e dispersa durante mais de 60 anos tanto em Moçambique como em Portugal. Foi inclusive assíduo colaborador desta revista, com inúmeros artigos publicados ao longo dos últimos anos. Os seus escritos têm merecido transcrições e referências. Proferiu também várias palestras tendo-se destacado na temática Xaveriana (S. Francisco Xavier) e de historiografia local.

 

O Dr. Domingos Jose Soares Rebelo, falava fluentemente português, inglês e francês e manteve-se sempre com uma invejável lucidez e sabedoria, exemplo disso foi o lançamento e a apresentação de mais alguns livros no dia 3 de Agosto 2013, no Auditório da Biblioteca Municipal de Alcobaça que contou com a sua presença e contributo. Era uma pessoa marcante que a todos cativava. Grande parte da sua vasta bibliografia, em que constam entre outros, títulos como “Obras Completas de Soares Rebelo”, “Dois Vultos Literários de Goa”, “Sonetilhos e Sonetos”, “Dicionário da Goanidade” esta à venda na Biblioteca Municipal de Alcobaça. O dinheiro da venda destes livros reverte 80% a favor dos idosos carenciados do concelho de Alcobaça, assim era a sua vontade, seguindo a linha solidária defendida pela esposa. Criou ainda a Fundação Soares Rebelo, mas a exigência de um capital social mínimo de 250 mil euros travou a continuação do sonho de família.

 

Apesar dos seus 96 anos o autor manteve-se cheio de vitalidade e energia até partir e estava a preparar 4 novos títulos, praticamente em fase de revisão de textos, que contava lançar no inicio de 2014 e que conheceram agora a luz do dia. Partiu em vésperas de comemorar os seus 97 anos. Nesta ocasião triste, recordo-o com muita gratidão e apreço pela importante partilha do seu saber nomeadamente sobre as suas origens. Relembro-o como grande exemplo pela sua paixão pela vida, pelos livros, pela família e por todos aqueles que passavam dificuldades. Depois de uma vida tão intensa e proveitosa para quem usufruiu dos seus estudos, descansará agora em paz! À família enlutada, apresento as minhas mais sentidas condolências e profundo pesar. Eterna Saudade deste seu amigo que nunca o irá esquecer pela amizade e respeito que sempre demonstrou ter.

 

Um adeus sentido!

 

ACÁCIO ANTÓNIO LOPES RIBEIRO

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2008
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2007
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2006
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D
  209. 2005
  210. J
  211. F
  212. M
  213. A
  214. M
  215. J
  216. J
  217. A
  218. S
  219. O
  220. N
  221. D
  222. 2004
  223. J
  224. F
  225. M
  226. A
  227. M
  228. J
  229. J
  230. A
  231. S
  232. O
  233. N
  234. D