Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A bem da Nação

FELIZ NATAL

A festa maior do Cristianismo é a da ressurreição de Cristo mas não podemos deixar de enaltecer o Natal como o acontecimento fundacional desta fé.

127-Omã-«floresta» do incenso.JPG

Omã, Salalah, «floresta» do incenso

Em Março passado estive em Omã e visitei o local onde existem as árvores que produzem o incenso pelo que, para mim, ficou esclarecida a origem dos Reis Magos. Ficou por esclarecer a origem do ouro e da mirra mas creio que essa é uma questão menor para quem crê na divindade de Emanuel, O que assim foi anunciado pelo Profeta Isaías.

Entretanto, tudo foi «agarrado» pelos lobbies comerciais e vá de promoverem os presentes como peça central das festividades. O próprio Pai Natal, essa simpática figura criada pela Coca-Cola com renas, neve e trenó, não passa duma fantasia completa pois o verdadeiro São Nicolau nada tem a ver com a Lapónia. Pelo contrário, é bem meridional pois foi Bispo de Mira, cidade principal de colónia grega na Ásia Menor, actual Turquia. A única aproximação à realidade é no facto de São Nicolau se ter distinguido como protector da infância desvalida e, daí, a distribuição dos presentes.

Mas não quero agora armar-me em desmancha prazeres estragando a festa da criançada. Os puritanismos que eles não têm maturidade para perceber estragariam a felicidade que eles têm ao receberem presentes e a nossa felicidade em lhos darmos como se fossemos o Pai Natal.

Portanto, aí estão os meus votos de feliz Natal para todos, crianças e adultos e que 2020 seja benigno.

Continuemos…

24 de Dezembro de 2019

74-Omã-Kazab-Estreito Ormuz-forte português.JPG

Henrique Salles da Fonseca

(no forte português em Kazab, Omã, Estreito de Ormuz)

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2005
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D
  209. 2004
  210. J
  211. F
  212. M
  213. A
  214. M
  215. J
  216. J
  217. A
  218. S
  219. O
  220. N
  221. D