Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A bem da Nação

ENTÃO, TUDO COMEÇOU ASSIM… (2)

Estátua_de_João_Vaz_Corte_Real_que_se_encontra_n

 

Já conhecido por Corte Real, João Vaz desempenhou bem o serviço de que D. João II o incumbira e, a título de recompensa, nomeou-o em 1474 Capitão Donatário de Angra, nos Açores e a partir de 1483 também da ilha de S. Jorge. Tavira ficara a ser «guardada» pelo filho mais velho, Vasco Anes, já que os dois seguintes, Miguel e Gaspar, se dedicavam às navegações.

 

Da Wikipédia extraio a informação relativa à descendência directa de João Vaz:

  • Vasco Anes Corte-Real (II - porque era homónimo do avô), alcaide-mor de Tavira, nascido em 1465, casou com Joana Pereira.
  • Miguel Corte-Real casou com Isabel de Castro.
  • Gaspar Corte-Real.
  • Joana Vaz Côrte-Real nascida em 1465, casou duas vezes, a primeira com Rui Dias Pacheco e a segunda com Guilherme Moniz Barreto.
  • Iria Côrte-Real nascida em 1440 casou com Pedro Goes da Silva.
  • Lourenço Vaz Corte-Real casado com Barbara Pereira.
  • Isabel Corte-Real casou com Jacob de Utra

 

Voltarei a referir-me aos três primeiros.

 

Mas o pai de todos, João Vaz, tinha ficado interessado nas terras que descobrira no tempo de D. Afonso V e pediu ao Rei D. João II que o financiasse para em seu nome (do Rei) delas tomar posse. Só que o Rei, sabendo que por ali não se alcançaria o objectivo estratégico, o Oriente, respondeu que o dinheiro da Coroa não poderia ser afecto a objectivos secundários por muito meritórios que fossem e, então, ele (João Vaz) que desafiasse nesse sentido (o do financiamento duma expedição) o lavrador açoriano João Fernandes que ele, Rei, sabia que queria aumentar as explorações agrícolas, o que nos Açores não era possível por evidente falta de espaço.

 

E assim foi que se armou nova expedição chefiada por João Vaz Corte Real, Capitão-donatário de Angra e financiada por João Fernandes lavrador na Ilha Terceira.

 

Rumando a Noroeste, exploraram em mais detalhe a costa que João Vaz já conhecia e encontraram belas terras para os efeitos desejados, a agricultura e o povoamento: uma península enorme que João Fernandes foi ocupando em viagens sucessivas com gado e um território vastíssimo no novo continente de que João Vaz foi tomando posse efectiva e a que deu o mesmo nome da sua propriedade em Tavira.

 

Sim, como o Leitor já percebeu, estou a referir-me à Península do Labrador, à Terra Nova e ao Canadá.

 

Ora bem, eis como o nome do grande país setentrional nasceu em Tavira.

 

PERGUNTA:

Por que é que a Câmara Municipal de Tavira retirou a placa toponímica da localidade de «Canada» na Freguesia de Cabanas?

 

(continua)

 

10 de Agosto de 2018

 

9JUL18.jpg

Henrique Salles da Fonseca

3 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Contador


contador de visitas para site

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2006
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2005
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2004
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D