Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A bem da Nação

EFEITOS DO CICLONE IDAI

Eng. Moreno Ferreira.png

ENG. MORENO FERREIRA

QUEM É E O QUE DIZ

 

Para além de portos, pontes, igrejas e edifícios de habitação, o Eng. Marcelo Moreno Ferreira, projectou e executou nas décadas de 1950/1970 em Moçambique grandes obras de engenharia, algumas delas hoje ícones nacionais moçambicanos como é o caso da famosa ESTAÇÃO DOS CAMINHOS DE FERRO DA BEIRA.

Estação CFM-Beira.jpg

 

Duas obras suas constam da publicação da Ordem dos Engenheiros "100 obras da Engenharia Portuguesa no século XX".

 

* * *

 

Das condições actuais da Beira e sua envolvente:

  • Foi por decisão de Marcelino dos Santos que, por receio de ataques inimigos, se destruiu o mangal na zona da Praia Nova, se autorizou a construção de casas (precárias) onde era o mangal e na própria Praia Nova, encerrando um curso de água;

BEIRA-Praia Nova-mapa.jpg

Zona destruída associada ao ciclone Idai

BEIRA-praia nova.png

A Praia Nova invadida por habitações (foto pós Idai)

  • Antes da independência, a municipalidade ia gradualmente eliminando os bairros degradados em redor da cidade;
  • À altura da independência, o sistema de saneamento da Beira era dos mais modernos de Moçambique.

 

Sobre se os esporões ao longo da praia na Beira foram construídos naquela posição (oblíqua) para conter as areias face à corrente do Rio Pungue no tempo das cheias, ficámos a saber que a corrente que faz o transporte das areias é chamada de deriva litoral. Na Beira ocorre de NE para SE, por isso a maioria dos esporões entre o Macuti e a Ponta Gea estão assim orientados para conter as areias dessa deriva. A areia que alimenta este troço costeiro da Beira vem do Rio Zambeze, a 300 km de distância.

 

As descargas do Rio Buzi não influenciam a erosão na praia da Beira.

 

Quando a amplitude das marés específicas da costa moçambicana é de cerca de 7 metros (na costa angolana é de cerca de 4 metros), provoca movimentações de grandes volumes de água e por certo que também influencia a erosão ao longo da praia. Que sim, a Beira tem as maiores marés de todo o continente Africano, em 25 mil km de costa, a grande amplitude de marés na Beira provoca vários efeitos na costa.

 

(NOTA – desde a Foz do Rovuma à Ponta do Ouro, a costa moçambicana tem cerca de 2770 kms)

 

A Praia Nova foi criada no final dos anos 60 para receber a areia das dragagens do canal de acesso ao porto e armazenar areia para posteriormente servir para fazer aterros na cidade bem como o prolongamento dos cais no porto, assim reforçando a função dos esporões sem interferir com o mangal. Os excedentes das dragagens eram vendidos para aterro e para a construção (fabrico de betão, etc.).

 

* * *

 

E a questão é: - E que tal chamar gente sabedora em vez de deixarem as decisões aos políticos ou a técnicos que desconhecem o local?

 

Abril de 2019

14ABR19.jpg

Henrique Salles da Fonseca

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2005
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D
  209. 2004
  210. J
  211. F
  212. M
  213. A
  214. M
  215. J
  216. J
  217. A
  218. S
  219. O
  220. N
  221. D