Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A bem da Nação

DESCONVERSAS

 

 

Terá sido em Tete, ou ainda em Vila Cabral?, que soubemos da forma apoteótica como foram acolhidos os militares que, em missão de esclarecimento psicológico, cruzava trilhos, picadas, caminhos e povoações sob aplausos e um sem fim de risos e batucadas a coroarem os discursos de propaganda e a recepção dos panfletos com bonitas ilustrações onde se via o grande irmão branco, fardado e graduado, com a sua comitiva, a acolher e libertar o chefe irmão negro e suas gentes da perversidade dos bandoleiros da guerrilha a soldo de potências comunistas e imperialistas.

 

O que se veio a descobrir, por fim, é que os tradutores traduziam os apelos da pátria remota - que a esmagadora maioria dos africanos nem conhecia – em insultos declarados à presença portuguesa e sua derrota iminente. Ora, sendo estes impropérios supostamente proferidos pelo oficial que empunhava o megafone, aos olhos das populações a acção em si resultava deveras hilariante. Daí os gritos e as manifestações de regozijo com que o cortejo estava a ser recepcionado.

 

  Manuela Gonzaga

 

In «Moçambique – Para a mãe se lembrar como foi», Bertrand Editora, 1ª edição, Junho de 2014, pág. 202

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2005
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D
  209. 2004
  210. J
  211. F
  212. M
  213. A
  214. M
  215. J
  216. J
  217. A
  218. S
  219. O
  220. N
  221. D