Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A bem da Nação

O PAPA BENTO XVI E OS SINAIS DOS TEMPOS – 2

 

Do Perigo dos Talibans da Opinião e dos Monopolistas da Verdade

O ser (o Bem) é mais que o valer (Valores)

 

 

No pontificado de Bento XVI sobressai a intelectualidade/teologia

 

Bento XVI é um intelectual, fiel a si mesmo e à eclésia e coloca-se, com a sua renúncia, mais próximo do povo. “As minhas forças em consequência da minha avançada idade (85 anos) já não são razoavelmente apropriadas para exercer o serviço de Pedro”.

 

A primeira preocupação do seu pontificado foi a acentuação do amor. Neste sentido escreveu a encíclica “Deus é Amor” (Deus caritas est) apelando à fé no amor (característica cristã) que é também eros e caridade.

 

A sua segunda preocupação foi a Verdade. Contra o relativismo corrente, afirma que é no cristianismo onde a verdade se pode reconhecer melhor. Na encíclica "esperança cristã" (Spe salvi) apresenta a fé como esperança. A sua encíclica social “caridade em verdade” (Caritas in Veritate) versa vários temas socioeconómicos e a crise económica e financeira.

 

Também esclareceu que opiniões mesmo institucionais estão sujeitas aos condicionalismos (manifestações) do tempo. As reacções estão muitas vezes determinadas pelo tempo mas o que importa é a atitude de fundo que prevalece.

 

Admoestou todos os cristãos, católicos e não católicos, a estarem atentos ao essencial. “Deus actua silenciosamente” (baixinho, discretamente).Teólogos protestantes louvaram os livros de Bento XVI sobre Jesus, afirmando que eles também poderiam ter saído duma pena protestante. Bento XVI é certamente o maior teólogo do nosso tempo, e de grande relevância para uma reflexão comum, como reconhecem também altos dignitários evangélicos. Também seria pertinente que os construtores da União Europeia lessem atentamente os seus escritos, devido à sua pregnância cultural, e aos perigos que esta corre e que ele admoesta a evitar. O Cristianismo (Igreja Petrina) é a mãe da Europa e duma globalização a ser realizada em serviço do Homem e não apenas em serviço da economia.

 

O presidente da Alemanha, Joachim Gauck, antigo pastor evangélico, reagiu à sua renúncia dizendo „A sua fé, a sua sabedoria e a sua humildade humana impressionou-me profundamente”.

 

A sua aura foi enevoada com o escândalo de abusos, Vati-leaks-Affäre, com os documentos roubados da sua secretária e com o drama da irmandade Pio XII. Procurou conciliar a liturgia pós-conciliar com a anterior e assim superar a separação com os tradicionalistas em torno de Marcel Lefebvre (irmandade Pio X). A sua preocupação principal foi a união da igreja (impedir a formação duma igreja retrógrada - a irmandade Pio X) e apelar à renovação interior das pessoas; empenhou-se na defesa dum mundo de valores humanos globais, da ecologia e da mudança social; ele lamentou o pecado na Igreja pedindo perdão. Embora não tenha sido um reformador estimulou os crentes a ocuparem-se com as consequências do mundo moderno. Bento XVI foi um mártir do silêncio. “Eu sou apenas um simples pequeno trabalhador na vinha do Senhor”. A História reconhecê-lo-á como um padre da Igreja que dedicou toda a sua vida à pergunta de Deus; da resposta a ela depende a subsistência duma civilização.

 

(continua)

 

 António da Cunha Duarte Justo

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2008
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2007
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2006
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D
  209. 2005
  210. J
  211. F
  212. M
  213. A
  214. M
  215. J
  216. J
  217. A
  218. S
  219. O
  220. N
  221. D
  222. 2004
  223. J
  224. F
  225. M
  226. A
  227. M
  228. J
  229. J
  230. A
  231. S
  232. O
  233. N
  234. D