Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A bem da Nação

A PRODUTIVIDADE MEDE-SE

A aparente ironia do Zé dos Grilos é um belíssimo retrato das nossas empresas. Pois não basta transformar, inovar ou até adquirir tecnologia de ponta, como já frisava Dantzig e Stepping-Stone há umas décadas atrás.
No primeiro passo, deverá questionar-se se existem recursos humanos para afectar e até que níveis conseguem responder às necessidades da empresa.
Depois deste levantamento, poder-se-á dar um passo em frente, a nível de gestão, onde se irá delinear a remodelação e o nível de investimento. Para chegar a esta fase, precisa-se de uma equipa, com conhecimentos sólidos para gerir e digerir informação, auscultar o mercado, bem como a própria concorrência, apta a definir estratégias concisas, adequadas à situação e por último, com capacidade assertiva de liderança e supervisão.
Em minha opinião e em consenso com outros colegas da área de Gestão de Informação, é nesta postura assertiva de gestão que os portugueses falham. E digo isto, porquê?
Porque quando um português vai trabalhar para o estrangeiro, esmera-se no seu desempenho, na sua pontualidade, digamos que se molda à equipa do líder assertivo que o gere.
O mesmo indivíduo, se regressar e ingressar no mercado de trabalho português, salvo rara excepção, não cumpre horário, torna-se demasiado absentista, deixa para amanhã o que pode fazer hoje, porque amanhã também é dia..... É caso para perguntar: “então os Portugueses só servem para paus mandados?”
Lamento esta miserável forma de pensar e de agir. O facto é que se os Portugueses não passam a assumir um comportamento mais assertivo e continuam nos extremos:
Demasiado passivos, submissos ao paternalismo.
Agressivos como tigres ferozes, que abrangem e abafam tudo e todos pela via do autoritarismo e do poder.
Então mais vale pensar que é preferível ser um estado federado da Alemanha, ou até da vizinha Espanha; dado que aí de facto a produtividade mede-se e com rigor, não se palpita. Será que é já num futuro próximo?


Marty

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2006
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2005
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2004
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D