Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A bem da Nação

CRÓNICA DOS DIAS COMUNS

 

AS MÃOS DA PROFILAXIA ANTI-GRIPAL
 
Foi num café chique, de boa pastelaria, da Parede. Ouvimos um espirro e lembrámos a gripe. Se realmente iria tomar as proporções que dizem que vai. E nas medidas profilácticas que se estão a tomar com calma, sem excitações inúteis.
Lavar as mãos é fundamental, diz a Ministra da Saúde, e tecemos comentários a esse preceito tão antigo que nos chegou por via bíblica. Mas nem todos os que passarem a lavar as mãos e que dantes não lavavam, mesmo em locais que pediam esse recurso posterior imediato, não se vão desresponsabilizar dos seus compromissos, como fez Pilatos. A desresponsabilização já existe em grande quantidade cá, mesmo sem a lavagem das mãos, que nem é assim tão usual. Por isso a epidemia que está para vir, para não fazer alastrar mais ainda a desresponsabilização, não sei se será mais benéfica com o preceito higiénico.
 
Arabs and Democracy - Tech Support Forum
Defesa anti-gripal
 
Mas há outros preceitos. A questão da hóstia, por exemplo. E logo a minha amiga:
-“Esse assunto já está a ser tratado”.
Calei-me, ela sabe, de leitura e de ouvido, mas também falámos na pia baptismal, que convém deixar seca, no pino da gripe, lamentando a falta da água benta. E nos beijos e abraços da paz eclesiástica durante a missa, que é bom que se interrompam para não contagiar, isto ouvi eu hoje.
- “E a fruta, nos mercados, e as hortaliças?” – pergunta a minha amiga desde sempre escandalizada, já muito antes do surto, contra a falta de embrulho próprio e as mãos, que não se sabe se estão lavadas, a mexer nelas, sem a ajuda de um plástico ao menos!
- “Pode ser que passem a ser embrulhadas, tal como o pão”...
- “Já viu este balcão?” Tratava-se do balcão do café chique, de boa pastelaria,  mesmo ao lado da farmácia. “Tabuleiros com bolos e outros com bolas de carne, em cima do balcão, o pão mal coberto, as pessoas a passarem perto, o café cheio de gente a respirar e a poluir o ar... Um nojo! E quando tossirem e espirrarem? A ASAE não vê isso, que esta pastelaria é das chiques, só se encarniça a sério contra os pobres diabos dos pequenos comerciantes...”
- “O que vale é que tem a farmácia ao pé!” – Como sempre, sou mais contemporizadora. “E ouviu aquela que o governo está a tramar, de mandar os professores dar aulas às casas dos alunos doentes?! Será assim? Devo estar errada! Ou é de anormais!”
- “Pois! Convém não deixar os nossos alunos doentes sem aulas, que eles podem-se prejudicar nos estudos! O nosso Governo está mesmo consciente da vantagem de estudar! Deve ter sido uma proposta imposta pela Ministra da Educação, que tem feito muito no estímulo à educação!”
-“Talvez os professores aí, à entrada das casas, tenham mesmo que se descalçar e lavar também os pés, quer para maior consubstanciação com o corpo de Cristo, quer para maior identificação com a doutrinação educativa ministerial portuguesa...”
 
P.S. Mas não se tratava de os professores irem às casas. Foi engano meu, que não ouvi o prefixo e estou sempre em dúvida. Trata-se, puramente, de teletrabalho, nada a ver com ir às casas, como as empregadas de limpeza.
 
 Berta Brás
                                                                                

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2006
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2005
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2004
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D