Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A bem da Nação

LIDO COM INTERESSE – 7

 

 

Título original: “Hunting Midnight

Autor: Richard Zimler

Tradutora: Maria Dulce Guimarães da Costa

Título português: “Meia-Noite ou o Princípio do Mundo

Editora: GÓTICA

Edição: Setembro de 2004

 

                                              

Zimler, Hunting Midnight.png

 

 

Hino contra a escravatura, este novo livro do americano radicado no Porto e naturalizado português que compreensivelmente escreve na sua língua materna. Bom português, o da tradução.

 

O enredo começa no Porto em 1798, acaba em Nova Iorque em 1825 e entretanto dá-nos uma visão interessante sobre a vida dos cristãos novos na época que em Portugal antecedeu as lutas entre liberais e miguelistas e durante as invasões francesas bem como da vida dos escravos nas plantações sulistas americanas.

 

Pese embora alguma implausibilidade perfeitamente admissível num romance, lê-se com agrado, compreende-se bem a razão do endémico atraso português e porque é que os sulistas tinham mesmo que perder a Guerra da Secessão americana.

 

Retenho do final algumas frases conclusivas que me parecem dignas de menção:

 

“Não acredito que haja uma vida eterna a seguir a esta, nem que nos vamos todos erguer no Monte das Oliveiras quando o Messias chegar. Pois o segredo é este:

O Messias está aqui agora e nós já estamos a viver no Monte das Oliveiras.

(…) a vida é escrita no tempo presente com a tinta que nos foi legada pelo passado. A morte também. A Génesis e o Êxodo estão a acontecer dentro de nós neste preciso momento. Até a Paixão de Cristo. (…)

Foi o Anjo Rafael que disse a Tobias: «Escreve todas estas coisas que te aconteceram.»

E para agradecer, tal como Tobias, foi isso que fiz. (…)”

 

Dá para respeitar estas opiniões do Autor se essa é verdadeiramente a sua Fé, matéria que não se discute.

 

Lisboa, Maio de 2006

 

Buenos Aires, 2012.jpg

 Henrique Salles da Fonseca

 

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2006
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2005
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2004
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D