Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A bem da Nação

ENSAIO SOBRE RELIGIÃO – 17

 

- P -

 

 Padre  – De presbyter, ancião. Já existiam sacerdotes na Babilónia, Egipto, Grécia, Roma, aztecas, etc.

 

Paganismo  – Do lat. paganus, “camponês”, nome dado pelos primeiros cristãos ao politeísmo.

 

Pagode  – Do português pagoda, provavelmente do sânsc. bhagavat, “adorável, templo do

Ídolo”, nome dos templos budistas.

 

Pais da Igreja  – Nome dado aos primeiros teólogos no princípio do cristianismo conhecidos pelos trabalhos escritos conhecidos como “obras patrísticas”.

 

Panteismo  – Do gr. pan, “tudo”, e theos, “deus”, doutrina que considera Deus imanente ao mundo e existe em todo o lado.

 

Parábola  – Do gr. parabolê, “comparação”, alegoria que serve a um ensinamento moral.

 

Paráclito  – Do gr. paraklêtos, “invocado, consolador, defensor, intercessor”, o Espírito Santo segundo São João.

 

Paraíso  – Do gr. paradeisos, de origem persa, “jardim destinado às almas bem-aventuradas”.

 

Parúsia  – Do gr. parousia, “chegada”, termo exprimindo a segunda vinda de Cristo em toda a sua Glória, no fim dos tempos.

 

Páscoa  – Do hebreu pesach¸”passagem”, festa que nos judeus comemora a saída do Egito. No cristianismo celebra-se a Ressurreição do Cristo.

 

Patanjali  – Sábio hindu fundador do sistema filosófico “yoga”.

 

Patarinos  – Membros de um movimento social e religioso que se desenvolveu em Milão no séc. XI visando a reforma do clero e do governo eclesiástico e o suporte de sanções papais contra a simonia e casamento clerical. Os envolvidos no movimento foram chamados Patarini, "esfarrapados".

 

Patrick  – Saint Patrick, apóstolo da Irlanda, 390-461, herói nacional da Irlanda e seu santo patrono.

 

Pecado  – Do lat. peccare,  transgressão voluntária à lei divina.

 

Penitência  – Do lat. paenitere, “arrepender-se”, é sobretudo uma forma de sofrimento voluntário.

 

Pentecostes  – Do gr. Pentêkostê, quinquagésimo dia, festa que nos judeus comemora a entrega das segundas Tábuas da Lei no monte Sinai; nos cristãos a festa da descida do Espírito Santo sobre os apóstolos.

 

Peregrinação  – Viagem a um lugar santo por motivos religiosos ou obter um milagre. No antigo Egipto o túmulo de Osíris em Abidos atraía multidões, na Índia sobretudo em Bénares com os seus dois mil santuários, na Arábia, em Meca, no Iraque o túmulo de Hussaim, segundo filho de Fátima e de Ali, neto de Maomé, na China as montanhas santas de T’ai-chan, Japão, etc., mas é sobretudo no cristianismo que se fazem mais peregrinações aos lugares santos de Jerusalém, a Lourdes, Fátima, a Roma, e a dezenas de lugares onde haja relíquias e túmulos de santos.

 

Pixide  – Do gr. Puxis, “caixa”, em metal onde se guardam as espécies eucarísticas.

 

Positivismo  – Doutrina desenvolvida no curso de filosofia por Augusto Comte que propôs três etapas da evolução do homem: primeiro, estado teológico, segundo estado metafísico, e terceiro estado positivo ou científico, em que a humanidade é o objecto único do culto.

 

Prajapati  – Do sânsc. “mestre das criaturas”, o “Senhor”, personificava o criador do mundo de acordo com o Brahmana.

 

Premontrés ou Norbertinos  – Religiosos de uma ordem de cónegos regulares fundada por Norbert em Prémontré em 1120.

 

Presbiterianos  – Protestantes  calvinistas governados por um presbiterium, “conselho de anciãos”, de ritos simplificados, austeridade e vida puritana.

 

Primitivos  – Religião dos povos ditos arcaicos ou primitivos, que se vão conhecendo através de estudos dos mitos, cultura, arqueologia, etc.

 

Prosélito  – Do gr. proselitus, “recém vindo de outro país, novo convertido a nova religião”.

 

Protestantismo  – Vem com a Reforma, os que protestaram contra os abusos da igreja papal.

 

Ptah  – Deus egípcio de Memfis, considerado como o criador do mundo.

 

Pûjã  – Conjunto de ritos no hinduísmo nos templos dos “sacerdotes-brahamanes”.

 

Puritanos  – Membros duma seita de presbiterianos do séc. XVII que  negaram a forma episcopal e os ritos do anglicanismo.

Perseguidos emigraram para a Holanda e depois para a América na famosa “Mayflower”.

 

(continua)

 

Dezembro de 2013

 

 Francisco Gomes de Amorim

1 comentário

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2008
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2007
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2006
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D
  209. 2005
  210. J
  211. F
  212. M
  213. A
  214. M
  215. J
  216. J
  217. A
  218. S
  219. O
  220. N
  221. D
  222. 2004
  223. J
  224. F
  225. M
  226. A
  227. M
  228. J
  229. J
  230. A
  231. S
  232. O
  233. N
  234. D