Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A bem da Nação

ENSAIO SOBRE RELIGIÃO - 6

 

- E -

 

 Ebionitas  – Membros duma seita dos primeiros cristãos judaizantes no Oriente. Reconheciam Cristo como o último dos profetas judeus, mas hesitavam em considerá-lo como o Messias.

 

Emanatismo­  – Doutrina oposta à da criação. Ela admite que de um primeiro princípio imutável, saem, como raios luminosos seres menos perfeitos, de onde emanam outros inferiores e assim sempre. Já se encontravam estas ideias em Filon de Alexandria (25 a.C. – 50 d. C) e até na Índia.

 

Encarnação  –  Em teologia do cristianismo chama-se a vinda de Jesus como encarnação e a sua morte de expiação. Nesse sentido teológico, "carne" não é de maneira nenhuma alguma coisa que o homem possui, mas é antes uma coisa que o homem é, sinalizado pela fraqueza e fragilidade próprias da criatura e nesse particular aparece em contraste com "espírito", a eterna e inextinguível energia que pertence a Deus e é Deus. Por consequência, dizer que Jesus Cristo veio e morreu "na carne" é afirmar que ele veio e morreu no estado sob as condições da vida física e psíquica criada, isto é, aquele que viveu e morreu era homem. Por outro lado, afirma também que aquele que morreu eternamente era e continua a ser Deus.

 

Epiclése  – Nas liturgias orientais é a invocação do Espírito Santo, a seguir às palavras da instituição da eucaristia. Ela suplica ao Espírito Santo de descer sobre o altar e de mudar o pão e o vinho no corpo e sangue de Cristo. O catolicismo romano não tem esse ritual, a que os ortodoxos ligam muito grande importância.

 

Erasmo –  Erasmo  de Roterdão (1466-1536) foi um grande teólogo e humanista. Considerou negativas algumas atitudes da Igreja e da vida monástica, mas nunca se deixou influenciar pelo protestantismo, mantendo a sua mente livre.

 

Ermitas  – Ou eremitas. Do gr. eremos, “deserto”.  Muito numerosos nos primeiros tempos do cristianismo fugindo de perseguições, à procura de espiritualidade e silêncio, viviam em ruínas, grutas e nos desertos. A vida eremítica atribuiu a santidade a muitos dos seus “Padres do deserto”, como São Paulo de Tebas que viveu mais de cem anos no Alto Egipto e que atraiu numerosos seguidores anacoretas para o deserto que se chama Tebaída.

 

Esoterismo  – Doutrina ensinada só aos iniciados. Procura o que está supostamente oculto nas grandes religiões, os mistérios antigos, o simbolismo e sobretudo as ciências ocultas.

 

Essénios  – Membros duma seita judaica da Palestina, de origem obscura, talvez com relação com os hasidins. De vida ascética, agrupados em comunidades de estilo quase monástico, tomavam as refeições em conjunto, abençoando o pão e o vinho.

 

Etiópia  – O cristianismo foi estabelecido na Etiópia cerca de 330, por um jovem de Tiro, Frumêncio, que naufragara no Mar Vermelho.

 

Eucaristia  – Do gr. eukaristia, “acção de graças”, é o sacramento que na doutrina católica contém o corpo e o sangue de Jesus. Depois de alguns ataques contra o dogma no séc. XI, o concílio de Latrão, em 1215, fez uma declaração solene, que o concílio de Trento desenvolveu e passou a chamar-lhe transubstanciação. Este mistério foi aceite pelos ortodoxos, mas os protestantes, de acordo com as diferentes versões, colocam algumas reservas. Alguns praticam uma “consubstanciação”, simbólica.

 

Eucologia  – Nome dado ao manual litúrgico da igreja ortodoxa.

 

Eutyches  – Arquimandrita de Constantinopla (c. 378 – 454) afirmava que o Cristo só tinha uma natureza divina, a sua natureza humana reduzia-se a uma aparência.

 

Evangelho  – Do gr. evangilium, “a boa nova”.

 

Evangélicos -  Os protestantes também são conhecidos pelo nome de evangélicos,  no entanto, no contexto brasileiro, o termo 'protestante' só é correcto quando usado para se referir às Igrejas oriundas da Reforma Protestante, e o termo 'evangélico' só é correcto quando usado para se referir aos pentecostais e neo pentecostais. Usando este nome há centenas de Igrejas que são verdadeiros sugadores dos dinheiros dos crentes, teatralizando milagres para os comover.

 

Exército da Salvação -  Uma denominação cristã protestante e uma das maiores instituições de caridade do mundo. Foi fundado em 1865 por William Booth, ministro metodista, juntamente com a esposa Catherine Mumford.

 

(continua)

 

Dezembro de 2013

 

 Francisco Gomes de Amorim

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2008
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2007
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2006
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D
  209. 2005
  210. J
  211. F
  212. M
  213. A
  214. M
  215. J
  216. J
  217. A
  218. S
  219. O
  220. N
  221. D
  222. 2004
  223. J
  224. F
  225. M
  226. A
  227. M
  228. J
  229. J
  230. A
  231. S
  232. O
  233. N
  234. D